IVR

O processo de produção de conhecimento atual e de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação está centrado no conceito de singularidade tecnológica. Na perspectiva da singularidade tecnológica, a capacidade humana de reflexão e de pensamento deixará de existir a partir de 2090, quando os aplicativos de celulares, notebooks e outros meios de comunicação e informação se tornarem o horizonte final de consulta para qualquer processo de produção de conhecimento, cognição e de formação da estrutura de uma personalidade. 

Em contrapartida, os estudos e pesquisas, desenvolvidos pelo Instituto Kw nos últimos 11 anos derivados de pesquisas, orientações de dissertações de mestrado, e de teses de doutorado criaram um modelo de produção de conhecimento, chamado “Inteligência Vibracional Reversa” que torna possível resgatar a multidimensionalidade do processo antropológico de produção do conhecimento, visando a compreensão cientifica da natureza dos diferentes fenômenos e suas implicações “psiconeuroimunoenergéticas” nos processos de relação dos diferentes indivíduos, nas diferentes culturas, sem o uso extensivo da tecnologia.
 

Para isso foi criado no âmbito do Grupo de Pesquisa IVR, o subgrupo de pesquisa “Geração de Tecnologias do Conhecimento GETECON” que se ocupará de investigar cientificamente: fenômenos considerados não científicos, a partir das orientações dos processos de produção de conhecimento definidos pelas instituições oficiais de ensino, pesquisa e extensão universitárias; bem como, desenvolver soluções para problemas com base em outros fundamentos que sustentam a compreensão da realidade objetiva, que não aqueles que deram origem aos problemas, que estamos a buscar uma solução.

Grupo de Pesquisa CNPq.

Todas as atividades do Instituto de Geração de Tecnologias do Conhecimento (KW) são resultantes de dois grupos de pesquisa da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) certificados pelo Conselho Nacional de Pesquisas - CNPq: o Grupo de Pesquisa GRCC (Resolução Científica de Conflitos) criado em 2003, e o Grupo de Pesquisa IVR (Inteligência Vibracional Reversa), criado em 2014. O GRCC desenvolve pesquisas relacionadas à gestão de conflitos (educacionais, empresariais, econômicos, políticos, financeiros, territoriais, produção de conhecimento e de propriedade intelectual) entre diferentes públicos-alvo: Setor Público, Terceiro Setor, Setor privado, Setor de Ciência, Tecnologia e Informação, Setores Estratégicos e Organismos Internacionais. Já o Grupo de Pesquisa IVR desenvolve processos de produção de conhecimento, a partir das implicações “psiconeuroimunoenergéticas” do pensamento sobre a estrutura e funcionamento do corpo humano, numa perspectiva contrária a dinâmica global e presente da singularidade tecnológica


 contato@kw.org.br